Despedidas - I


A despedida é uma dor que umedece os olhos. Minha primeira despedida foi quanto eu tinha 10 anos. Minha avó estava deitada na cama, respirando com dificuldade. Chovia muito, o céu era só raios e nuvens escuras. Ela tinha medo e eu segurei suas mãos, já meio frias e machucadas pelas picadas insistentes das agulhas. Pensava que assim pudesse aliviar um pouco seu medo e sua dor. Ela olhou pra mim. Um olhar piedoso, quase azul, desses que só os seres divinos podem nos dar. Ela me olhou e sorriu. Uma lágrima quente caiu de seus olhos. E o resto do calor que aquele corpo ainda guardava se foi naquela lágrima que ela me deixou. Uma lágrima e um sorriso. O resumo do que é a vida.

Comentários

li curti e segui.. adorei!!

o meu eh eusoudanilo.blogspot.com

eh bem simples mas estou sempre atualizando sempre...


abç

t+

Postagens mais visitadas deste blog

Saturno

Espera