quarta-feira, 12 de novembro de 2008

A SAGA DE SOFIA - Primeiros Passos


No início de sua viagem
A menina crescida
Cheia de espanto
do verde das árvores
Texturas, sabores
Perfumes, cores
Diversidade
Da sorte de um lugar tranqüilo
Quieto, pleno.
Certa de justiças, de verdades,
De sinceridades e promessas
Esquece a espada, esquece a batalha
E se deixa envolver pelas flores
Pelo azul imenso sob sua cabeça.
Pela estrela amarela a brilhar no horizonte
Pela brancura da Lua no veludo da noite
Vê a si própria florir
Desperta para o calor do sol, para a luz da vida
Caminhando e caminhando
Encontrando gentes, culturas, variedade
De falares, personalidades
Conhecendo pessoas,
Amando-as, aceitando-as
Andando, Andando,
Pelas veredas seguindo a música do mundo
Pernas crescidas pelo caminhar
Mente explodindo idéias
Como o guia coração
Ideais nascendo no peito
Impulsionada pela fé da intuição
Companheira de si mesma nos caminhos
Reluz no descobrir-se em solidão forte
Carregando uma mala de sonhos, de amor e serenidade
Deixando por onde passa, saudade
Permitindo seduzir-se pelas maravilhas do desconhecido

2 comentários:

Tangerina disse...

É linda a forma que você escreve.
Me faz viajar pra bem longe...

Deborah disse...

Coisa mais linda...

bjs