segunda-feira, 20 de junho de 2011

O medo

O medo é um fantasma que me visita
quando estou dormindo
Ele me conta histórias de terror
e muitas vezes me faz acreditar nelas.

Como gosta de me pregar peças!
E não tem graça nenhuma
tê-lo comigo.
Eu fujo, saio correndo
em disparada
Acordo esbaforida
trêmula.
Porque é tão difícil
livrar-se do medo
quando se está só
e não se pode ter
um abraço?


Nenhum comentário: