Quando dizem por aí



Quando me dizem como sou tola
como me desgasto, como me estresso
porque me dou tanto,
eu penso no plano que tracei
com lápis colorido,
no plano que desenhei para a minha vida.

Lembro do sentido que faz para mim,
recordo que o tempo está correndo
e que estou a poucos passos do meu objetivo.

Penso nas estratégias que tracei,
em tudo que alcancei,
em como falta tão pouco
para chegar aonde quero chegar.

(Ninguém sabe, mas guardo um sorriso matreiro
dentro de mim, só meu, só para mim)


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Saturno

Espera