domingo, 10 de fevereiro de 2008

Sobre todas as coisas VI


Depois da tempestade, sempre vem o sol.
E para que ele brilhe em nossas vidas,
basta que abramos as janelas

Um comentário:

Pierre C. Cortes disse...

Lindo.
Adorei o desenho também.
Beijos.