segunda-feira, 1 de outubro de 2007

Litoral



E o sol se põe
O céu vermelho reflete na areia
O castanho de teus olhos.

E a noite vem.
E a lua me sorri,
Suave como o teu sorriso.

E o vento acaricia minha pele
Sutilmente,
Como o toque de teus dedos.

Fecho meus olhos;
Nasce de meus lábios um beijo
Que te envio no vento
Sob a cumplicidade da noite

Um comentário:

Pierre Caldeira Cortes disse...

Belíssimo, guapita.

Besos.